Quando fazemos um projeto de vida ou planos para a vida, olhamos para o futuro imaginando estarmos num pico bem alto. Esta imagem metafórica, mostraria que atingimos nossos objetivos e vencemos. Mas a vida está mais para uma cordilheira, do que apenas o alto de uma montanha, pois o que encontramos de fato é uma série de montanhas menores, vales com vegetações variadas e temperaturas oscilantes.Continue reading

Recomeçar!

Começar de novo!

Início de algo, que significa também, o fim de algo.

Normalmente dói.

Dói confrontar, fechar ciclos.

Dói admitir não mais tocar,

Ver,

Cheirar,

Sentir algo ou alguém …

Dói o coração do peito e o coração da alma!

Um fim propicia medo, mas um medo protetor.

É a defesa contra a dor.

Recomeçar!

Começar de novo!

Exige coragem!

Confrontar o medo protetor, também pode provocar dor.

A de perder a chance de um recomeço.

Ah coração, parece nunca estar pronto,

Mas está em prontidão!

Prontidão, para receber quando voltar a amar,

E novamente, se entregar para o amor.

Pra recomeçar!


“A cada dia que vivo,

mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos,

nas forças que não usamos,

na prudência egoísta que nada arrisca e que,

esquivando-nos do sofrimento,

perdemos também a felicidade”.

Me inspiro em Carlos Drummond de Andrade, para estimular a mim mesma e àqueles que me cercam, a continuar investindo nas oportunidades que a vida oferece. Precisamos tomar  uma decisão consciente,  de não economizar na dedicação, na doação, na persistência em amar. Continue reading